Riacho Fonte de Vinho

1.         Descrição

Riacho cuja nascente está na extremidade oeste do Campo.

Mais para a extremidade oeste do Campo, a fonte propriamente dita do riacho Fonte de Vinho jorrava de um afloramento baixo na rocha jorrando de um afloramento baixo na rocha, em um fluxo interminável, forte o bastante para derrubar um homem e doce o suficiente para justificar seu nome cem vezes. Da nascente, as águas corriam ligeiras para o leste, alargando-se rapidamente, as margens pontilhadas de salgueiros ao longo de todo o caminho até o moinho de Mestre Thane e além, até se dividir em dezenas de córregos nas profundezas pantanosas da Floresta das Águas.

Há duas pontes estreitas e baixas que cortam o riacho no Campo; outra, mais larga e forte, é capaz de aguentar o peso das carroças (“Ponte das Carroças”).

Ponte das Carroças é o marco onde a Estrada do Norte, que vem da Barca do Taren  e da Colina da Vigília, tornava-se a Estrada Velha, que levava até a Trilha de Deven.

2.         Menções

I         OOdM – Cap. 1.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: