Myrdraal

1.          Descrição

Um cavaleiro negro, inspirador de verdadeiro horror, coberto por um manto negro, que parece cobrir todo o rosto, exceto a boca. Seus cavalos também são negros e seus mantos, em que pese o vento, ficam rígidos e imóveis:

O manto do cavaleiro o cobria até a ponta das botas, o capuz bem puxado à frente de modo a não mostrar nenhuma parte do rosto. Rand pensou vagamente que havia algo de estranho no cavaleiro, mas era a abertura ensombreada do capuz que o fascinava. Ele só conseguia ver traços vagos de um rosto, mas tinha a sensação de que estava olhando bem nos olhos do cavaleiro. E não conseguia desviar o olhar. Sentiu o estômago embrulhar. Só podia ver sombras sob o capuz, mas sentia um ódio tão agudo quanto se pudesse ver um rosto enfurecido, um ódio por todas as coisas vivas, Ódio por ele principalmente, por ele acima de todas as coisas“. (OOdM, Cap. 1, ed. Intrínseca)

(…) O vento que o fustigava [a Rand] e a Tam não havia deslocado uma dobra sequer daquele manto negro”. (OOdM, Cap. 1, ed. Intrínseca)

2.          Menções

I.           OOdM – Cap. 1

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: